003 – Estudos

Posted on 10 de abril de 2010

0


Olá a todos!
 
Neste email eu queria comentar um pouco mais sobre os meus estudos sobre o assunto “2012”.
 
Quando comecei a me interessar em estudar esse assunto, percebi que existem inúmeros assuntos interligados, sem os quais não podemos compreender tudo o que “2012” significa. A compreensão real do que “2012” significa só é possível quando estudamos assuntos como as civilizações antigas (maias, egípcios, sumérios, incas), cultura indígena, religiões, espiritualidade, profecias (existem literalmente centenas delas relacionadas a 2012), grupos como Illuminattis, Rockefellers (grupos que de alguma forma controlam os assuntos do planeta), teorias da conspiração, círculos ingleses (crop circles), influências extraterrestres na humanidade, bases do capitalismo, poder do pensamento, escrituras, paranormalidade, entre muitos outros assuntos… Quero falar sobre cada um deles em emails posteriores.
 
A princípio, eu sei que pode ser muito difícil surgir nas pessoas um interesse genuíno em estudar assuntos considerados tão ilusórios. Talvez por esse motivo as pessoas não façam isso… a consciência de massa ridiculariza esses assuntos, impedindo as pessoas de pensarem de forma diferente. Existe um molde, um padrão de pensamento, do qual as pessoas não podem se desviar sem serem consideradas loucas, insensatas ou ingênuas. A grande maioria da população da Terra está focada no ciclo materialista: estudar, se profissionalizar, arranjar um emprego bom, sustentar a família, ter sucesso financeiro, e com sorte desfrutar de uma boa aposentadoria. Mas o fato é que existe tanta, mas tanta coisa além disso… e está tudo aí para descobrirmos. Falta apenas a vontade real de ir atrás das informações. Tomando um postura de pesquisador, qualquer pessoa poderia constatar que o mundo no qual estamos inseridos, que acreditamos ser real, é um pálido reflexo, uma parte mínima da realidade. É como se estivéssesmo na Matrix (aliás, o primeiro filme da série é um ótimo exemplo do processo atual da humanidade, que vive uma realidade ilusória e acredita plenamente nela, e não toma a iniciativa de procurar algo por trás dos panos).
 
Mando o próximo email em poucos dias.
 
Até a próxima,
Maria Bianca

Anúncios
Posted in: Textos