020 – O nosso papel na transição planetária

Posted on 19 de agosto de 2010

0


A grande guinada consciencial relacionada à janela de 2012 já está acontecendo há vários anos, transformação esta que está sendo facilitada pela enorme quantidade de energias positivas que estão sendo direcionadas para o nosso planeta nessa época atual. A cada dia, mais e mais seres, a uma taxa exponencial, despertam para uma realidade mais profunda daquela que estamos acostumados a viver.
 
Entretanto, ocorre que existe ainda um número muito grande de pessoas que está aguardando passivamente essa mudança como algo que virá de fora; uma mudança mágica que as farão compreender a vida e as tornarão, miraculosamente, pessoas melhores.
 
É preciso lembrar que a grande guinada consciencial acontecerá quando nos dermos conta que somos nós que exercemos o papel principal nessa mudança. Somos nós, cada um de nós, que faremos a transição planetária acontecer. A mudança precisa acontecer de dentro para fora, a nível individual. Se bilhões de pessoas decidissem, ao mesmo tempo, se dedicar a uma real mudança interna, a mágica estaria feita. Estaríamos enfim numa nova Era de Ouro. Mas como essa sincronia ainda não aconteceu, não podemos esperar a mudança nos outros ou na nossa sociedade para iniciar a nossa própria. Façamos a nossa parte sem mais adiamentos! Precisamos de uma vez por todas entender que se cada um de nós tomarmos a iniciativa de começar essa mudança pessoal, ela incentivará as outras pessoas a faze-lo também. Um único momento de reflexão que nos leve a uma DECISÃO a respeito disso, seguida de COMPROMETIMENTO com a decisão tomada, pode mudar definitivamente a nossa vida e a vida de todos ao nosso redor.
 
A mudança no âmbito planetário acontecerá de uma forma ou de outra. Podemos nos acomodar e simplesmente esperar a mudança nos outros até que ela nos atinja. Mas se temos a oportunidade de sermos os pioneiros e acelerar este processo, por que esperar?
 
Tomemos hoje então a decisão firme e autêntica de mudar! Nos colocando mais no lugar dos outros, sendo mais altruístas, mais gentis no trânsito, tendo uma preocupação real com o meio ambiente e com os animais, ajudando as pessoas sem esperar recompensas ou reconhecimento, correndo atrás de conhecimentos que realmente nos fazem bem, sendo menos materialistas, dando atenção ao nosso lado espiritual.
 
Como disse Gandhi, “Temos que nos tornar a mudança que queremos ver no mundo”.
 
Até a próxima,
Maria Bianca
Anúncios
Posted in: Textos