030 – Redirecionando nosso foco

Posted on 26 de janeiro de 2011

1


Agora, mais do que nunca, é importante mantermos o foco no que queremos que o mundo seja, e não no que queremos parar de ver. Estamos sendo diariamente bombardeados de notícias sobre catástrofes, corrupção, crimes. A mídia da atualidade é a máquina mais eficiente para manipular as nossas emoções. Na nossa cultura, é sempre obrigatório estarmos atualizados, e assim nos tornamos seres cheios de medo, indignação e revolta.
 
Tenho certeza que já falei sobre isso em outros textos e não tenho a intenção de ser repetitiva. Mas creio ser importante relembrar algumas coisas que considero importantes, porque sei que ao estarmos inseridos nessa ilusão tão envolvente, nos esquecemos rapidamente e a toda hora de onde devemos conservar o nosso foco. Então, se você é do tipo de pessoa que acha importante saber das atrocidades do mundo, comece a prestar atenção no que você sente ao assistir às notícias ou ao ler uma manchete. Se uma enchente com centenas de mortes despertar em você a pena, a dor ou o medo, reaja imediatamente, passando a imaginar e a saber que aquelas pessoas conseguirão ainda ser felizes e que tudo pode ser reconstruído. Se as notícias de corrupção a princípio lhe deixar indignado, imagine que em breve as pessoas da política terão realmente as melhores intenções para com o povo. Se tudo isso for muito difícil (e geralmente é), simplesmente desligue a TV, escolha não prestar mais atenção nisso tudo.
 
Isso pode parecer um texto clichê de autoajuda, mas é muito mais sério do que imaginamos. Por quê? Porque imaginar é criar. O pensamento é uma força poderosa demais para ser desperdiçada ou mal-utilizada. Se a força de pensamento de uma única pessoa pode curar doenças, trazer prosperidade, o pensamento de milhões pode transformar o mundo.
 
O papel de muitas pessoas na Terra é realmente se indignar e lutar pelas mudanças, sair às ruas em protestos e tal. E isso é saudável desde que o foco seja nas mudanças, e não no motivo da revolta. Mas o papel de outros muitos é criar energia positiva, de modo a pavimentar as mudanças que estão por vir. E essa parte do mundo não pode ficar em transe, hipnotizada, sendo arrastada para pensamentos negativos para sempre.
 
Então esse texto é somente um lembrete, para chamar a atenção para essa obrigação tão importante de cada um de nós. Vamos nos desligar desse jogo de manipulação e sermos senhores dos nossos pensamentos, das nossas atitudes e emoções. A gente precisa lembrar com mais frequência e sem preguiça de que o mundo é reflexo da energia que é criada por eles – nossos pensamentos-, e desenvolver uma postura ativa e constante para domina-los em prol das mudanças que precisam acontecer.
 
Até a próxima.
Maria Bianca

Anúncios
Posted in: Textos