032 – O ano em que conheceremos a verdade

Posted on 6 de maio de 2011

2


Como já foi dito em emails anteriores, muito tem acontecido nos bastidores do mundo para pavimentar o caminho para as grandes mudanças pelas quais o mundo vai passar. Estamos – ainda, mas por pouco tempo – em uma fase na qual não ficamos sabendo de quase nada se não corrermos atrás das informações. Ou seja, se não tomamos uma postura ativa de pesquisadores, não notamos os movimentos que têm o potencial de trazer as mudanças prometidas.
 
Também já mencionei em outros textos que o primeiro acontecimento de grande importância, por ser ele o responsável pelo “start” das outras mudanças mais profundas, é a divulgação oficial da realidade extraterrestre. Estou escrevendo este texto porque acredito que os primeiros movimentos para tal divulgação estejam acontecendo exatamente agora. Os fatos que vou colocar abaixo não aconteceram espontaneamente e sem que houvesse um processo super intrincado por trás. Pelo contrário, aconteceram como consequência de uma infinidade de ações que demandaram muito esforço de milhares de pessoas e grupos por muito tempo. 
 
Vou começar por uma informação que veio à tona no final de março, quando vários insiders (pessoas que têm acesso a informações privilegiadas) de diferentes grupos afirmaram que a divulgação formal da realidade extraterrestre era iminiente. Segundo eles, em menos de um mês, passos importantes seriam dados rumo a esse anúncio oficial.
 
De fato, em meados de abril, o FBI divulgou documentos impressionantes a respeito dos discos voadores. Dez dias depois, a NSA (Agência de Segurança Norteamericana) tornou pública mais uma grande quantidade de documentos ufológicos. Uma vez que a NSA e o FBI são duas entidades que mantém as informações em seu poder trancadas a sete chaves, a divulgação de dados sensíveis foi entendida como uma iniciativa sem precedentes a respeito da realiade extraterrestre.
 
Os documentos do FBI foram ao ar no dia 11 de abril de 2011. Uma simples busca pelo termos “Flying saucers” no site do FBI dá acesso a uma grande variedade de documentos: http://vault.fbi.gov/search?SearchableText=flying+saucers
 
Dentre os documentos divulgados, vários contem informações irrevogáveis sobre a realidade extraterrestre e deixam claro que o assunto é tratado com muito mais atenção pelas agências do que sempre foi exposto publicamente. Um exemplo, que pode ser conferido no link http://vault.fbi.gov/hottel_guy , mostra um memorando da força aérea americana afirmando que foram encontrados destroços de um disco voador no Novo México, em 1950, e que dentro do aparelho foram resgatados três corpos de alienígenas de baixa estatura, vestindo trajes metálicos. Abaixo, cito algumas notícias que sairam na mídia no mesmo dia:
 
The Guardian (Inglaterra): http://www.guardian.co.uk/world/2011/apr/11/fbi-destroys-ufo-reports
The Telegraph (Inglaterra): http://www.telegraph.co.uk/news/picturegalleries/howaboutthat/8442464/Exploding-UFOs-and-alien-landings-in-secret-FBI-files.html
The Washington Post (EUA): http://www.washingtonpost.com/blogs/blogpost/post/fbi-releases-roswell-memo-about-three-bodies-of-human-shape/2011/04/11/AF58CTKD_blog.html
 
Ainda no mês de abril, a CIA também passou a divulgar documentos importantes, como por exemplo o que afirma que John Kennedy solicitou os arquivos ufológicos às agências de investigação 10 dias antes do seu assassinato. Um dos memorandos contém um trecho onde o próprio diretor da CIA declara: “JFK está fazendo algumas requisições a respeito de nossas atividades, o que não podemos permitir”. O interesse em divulgar a realidade extraterrestre como causa do seu assassinato ainda é especulação. Mas pode-se dizer que muitas peças começam a se encaixar e tendem a fazer com que essas suposições façam sentido. Um pouco mais sobre o assunto pode ser visto aqui: http://www.dailymail.co.uk/news/article-1378284/Secret-memo-shows-JFK-demanded-UFO-files-10-days-assassination.html
 
Três dias depois, no dia 14 de abril, foi divulgado na Examiner que houve uma perseguição de UFOs por aviões militares em Virgínia (próximo a Washington DC): http://www.examiner.com/ufo-in-national/military-jets-follow-virginia-ufo
 
Uma semana após o evento em Virgínia, o professor Bill Wickersham, da Universidade de Missouri, fez um pedido aberto ao Congresso americano para reexaminar as questões sobre os discos voadores, as quais ele considera críticas. Mesmo sabendo que a questão ainda não tem espaço no cenário político, ele apela para que os parlamentares possam ir onde outros nunca tiveram coragem de ir. Mais informações podem ser vistas em http://www.aolnews.com/2011/04/21/university-prof-bill-wickersham-calls-for-congressional-ufo-hear/
 
No mesmo dia, em 21 de abril, mais um importantíssimo passo foi dado, quando a NSA divulgou 42 documentos a respeito dos UFOs. Nunca houve uma divulgação aberta desse calibre na nossa história: http://www.nsa.gov/public_info/declass/ufo/index.shtml
 
Dentre os documentos divulgados pela NSA, um deles mostra que foram recebidos sinais vindos de fora da Terra. A NSA colocou na ocasião toda sua área de criptografia, liderada pelo Dr. Howard Campaigne, para decifrar as 29 mensagens recebidas, encontrando elementos que provam que as mensagens são de origem inteligente: http://www.nsa.gov/public_info/_files/ufo/key_to_et_messages.pdf

É interessante pontuar que vários processos iniciados através do FOIA – Freedom of Information Act – Programa de Liberdade de Informação -, uma lei que assegura o acesso público aos registros do governo americano, tiveram um papel fundamental na divulgação dos documentos acima. http://www.nsa.gov/public_info/foia/index.shtml
É desnecessário dizer que é um pouco estranho que um assunto de tanta importância ainda não tenha virado manchete em todos os jornais do mundo. Mas o fato se torna compreensível uma vez que ainda existem muitas forças contrárias à divulgação desse realidade, forças essas que ainda manipulam grande parte da mídia aberta. Mesmo a mídia independente ainda está pisando em ovos quando o tema é a realidade extraterrestre, uma vez que inúmeras vezes jornais perderam crédito ao divulgar notícias que em poucos dias eram desmentidas e ridicularizadas. Quem nunca ouviu a tradicional explicação dos “balões meteorológicos” para os avistamentos de OVNIs? Entretanto, estamos chegando rapidamente ao ponto em que negar a existência extraterrestre será uma atitude não inteligente.

Para finalizar, posso dizer que acredito realmente que já existe um plano pronto para a divulgação oficial nos próximos meses. Países como o Brasil, Inglaterra, Índia e China já liberaram ao público, há tempos, milhares de documentos relacionados aos UFOs. As agências como CIA, FBI, NSA deram agora um gigantesco passo para acelerar esse processo, deixando claro que não fazem mais questão (ou não tem mais poder suficiente) de manter o assunto fora do conhecimento público. Mensagens canalizadas, psicografias e grupos que mantém contato aberto com seres extraterrestres também dão suporte à iminência dos acontecimentos. O ano de 2011 tem tudo para ser o início do fim de um mundo de mentiras, corrupção, ganância e egoísmo, dando lugar rapidamente a um em que a paz, abundância e felicidade serão uma realidade a todos os habitantes do planeta.
 
Até a próxima.
Maria Bianca
Anúncios
Posted in: Textos